Blog

Metade dos brasileiros já sofreu algum tipo de assédio no ambiente de trabalho

23 de junho de 2015

Compartilhe

Pesquisa indicou que a minoria tem coragem de denunciar a prática abusiva, principalmente por medo de perder o emprego e passar por qualquer tipo de retaliação

De acordo com uma reportagem da BBC Brasil, 52% dos brasileiros que já sofreram algum tipo de assédio moral e/ou sexual no trabalho. O número foi divulgado após uma pesquisa do site Vagas, que preservou a identidade dos 4.975 profissionais entrevistados. Se, no ano passado 42% dos brasileiros afirmaram já ter sofrido com o assédio moral, agora esse número cresceu para 47,3%. No caso específico de assédio sexual, 9,7% dos entrevistados disse já ter passado por situações desse tipo.

CTA - Ebook Grátis

Os resultados da pesquisa mostraram também que as mulheres costumam sofrer mais com esse tipo de problema. Os dados de assédio moral apontaram proporções semelhantes, com 48% dos homens e 52% das mulheres. Quando se trata de assédio sexual, o quadro fica ainda mais alarmante e é quatro vezes mais comum entre elas, atingindo 80% das mulheres entrevistadas e 20% dos homens. Outro dado alarmante mostrou que apenas 12,5% das pessoas que sofreram os assédios denunciaram o agressor, sendo que os principais motivos para não denunciar são o medo de perder o emprego, de sofrer represália, vergonha e medo de achar que a culpa era da própria vítima.

Foram ouvidas pessoas de todas as regiões do país e, dos 48% que não sofreram nenhum tipo de assédio, 34% já presenciou algum episódio de abuso. Para que o assédio moral seja configurado, o assediador deve necessariamente ser hierarquicamente superior ao assediado, com a repetição de condutas humilhantes ou agressivas. Uma ameaça isolada não pode ser classificada como assédio, apesar dessa conduta ser passível de punição. Já para configurar o assédio sexual, ou seja quando a pessoa usa a sua condição hierárquica para conseguir vantagens sexuais, basta uma única tentativa.

De acordo com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a violência moral e sexual no ambiente de trabalho não é um fenômeno novo e, por isso, há a necessidade de conscientização da vítima e punição do agressor, permitindo a identificação de atitudes e riscos invisíveis que degradaram o ambiente de trabalho. Os gestores devem ter em mente que oferecer um ambiente de trabalho saudável física e psicologicamente pode fazer a diferença para que as empresas consigam produzir mais e fidelizar os seus colaboradores. As atitudes positivas cativam o respeito do funcionário e, de certa forma, também geram estímulo na realização das tarefas diárias a partir da valorização pessoal.

Comentários

Deixe um comentário

Para comprar soluções SOC

Whatsapp

Converse conosco para comprar soluções SOC.

Fale Conosco

Envie-nos e-mails com comentários, questões ou feedback

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Saúde ocupacional

  • Cadastro de Exame
  • Tela de Digitação Rápida
  • SOCAPP
  • Gestão de Convocação
  • Guia de Encaminhamento
  • Pedido de Exames
  • Licença Médica
  • Gestão de FAP

Segurança no trabalho

  • Cadastro de Risco
  • GHE
  • Entrega de EPI
  • CIPA
  • Registro de Ocorrência
  • Atividades
  • Cursos

Estrutura Organizacional

  • Empresa
  • Unidade
  • Setor
  • Cargo
  • Funcionário
  • Importação Modelo I

Configurações Gerais

  • Navegação
  • Comandos básicos
  • Usuários e Perfil de Acessos
  • Configurações Pessoais
  • Gestão de Avisos
  • Log de Ações
  • Restrição de IP
  • Pesquisa Avançada
  • Parâmetros de Empresa Principal
  • Parâmetros Gerais

eSocial

  • Portal eSOCial
  • Mensageria SOC
  • Interface Específica com outros Sistemas

SOC Net

  • Visão do Credenciador
  • Visão do Credenciado

Gestão eletrônica de documentos

  • SOCGED
  • Biometria
  • Assinatura Digital

SOC Indicadores

  • Power BI
  • Painéis de Gráficos

Financeiro

  • Tabela de Preços
  • Produto e Serviço

Integrações Web Service

  • SOC Integrador
  • Exporta dados

Personalizações

  • Cadastro Dinâmico
  • Tipos de Ficha
  • Modelos Personalizados
  • ASO, Funcionário, entre outros.

Relatórios

  • Relatórios Agendados
  • PCMSO
  • PPRA

Para comprar soluções SOC

Brasil

0800 888 8888

Ou veja a nossa lista completa de números locais

Chat online

Converse conosco para comprar soluções SOC ou para esclarecimento de dúvidas

Fale Conosco

Envie-nos e-mails com comentários, questões ou feedback